Ajustes dentro do Podemos na Bahia passam pela divisão da presidência estadual; entenda

A fusão de Podemos e PSC também passou por alguns acordos entre as lideranças de ambas legendas. Ao Bahia Notícias, o deputado federal Raimundo Costa (Podemos) indicou que o pacto realizado entre as lideranças prevê a divisão da presidência de forma igual.

O ajuste passa pela repartição em dois biênios, ficando o primeiro a cargo do PSC, que indicou Heber Santana para assumir o posto, e o segundo biênio com Raimundo, chegando para o posto a partir de 2025. O acordo foi realizado durantes as discussões entre os diretórios, antes da incorporação. Com essa decisão, a sigla terá, a partir de 2023, 18 deputados federais e 7 senadores.

Informações de bastidores apontam que ainda existe um forte debate interno sobre algumas definições da legenda. O grupo ligado ao antigo PSC defende a presença do partido no governo de Jerônimo Rodrigues (PT). Já a ala ligada ao Podemos pretende permanecer independente, da mesma forma que ocorre na seara estadual. Heber foi contemplado com um posto no governo Jerônimo, onde irá representar a Defesa Civil do Estado (Sudec).

Recentemente, ressaltou o presidente do Podemos no estado, Gabriel Melo, a legenda ainda estaria em processo de discussão se apoiaria o governo de Jerônimo Rodrigues (PT). “Até porque existe o deputado Raimundo Costa nesse processo. Vamos sentar e tomar uma decisão. Em breve tomaremos essas decisões e vamos dar publicidade”, disse Gabriel.

Bahia Notícias

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

 

Salvador – Mais de 30 pré-candidatos deixam Solidariedade e filiam-se aos partidos da base de Bruno Reis

Um grupo com mais de 30 pré-candidatos a vereador deixaram o Solidariedade, que faz parte da base do governo Jerônimo

 

Salvador –  Bruno Reis lidera intenções de votos em todos os cenários

O prefeito de Salvador, Bruno Reis (União), segue liderando as pesquisas de intenções de votos. Na mais recente, feita pela

 

Salvador – Duas outras boas notícias para Bruno Reis relativas à pesquisa AtlasIntel

Além da excelente notícia para Bruno Reis (União Brasil), faltando sete meses para o pleito, de que ele pode levar