Bahia – Deputada Mirela Macedo oficializa saída da base do governo de Rui Costa

A deputada estadual Mirela Macedo (PSD) oficializou nesta quarta-feira (16/02) a sua saída da base do governador Rui Costa (PT) durante discurso na Assembléia Legislativa da Bahia (Alba). Com isso, a parlamentar passa a integrar o grupo liderado pelo pré-candidato ao governo ACM Neto.

“O que passou não é praga, passado é ensinamento e agora é presente. E é com esse presente que afirmo aqui e agora que não estarei mais fazendo parte da bancada do governo nesse parlamento”, discursou Mirela que agora vai “cumprir alguns ritos e sair pela porta da frente, assim como a gente entra em qualquer espaço”, acrescenta.

“Agora são novos tempos, tempos que me fazem ter certeza da minha escolha. Afinal, liberdade e respeito para mim são inegociáveis”, disparou.

“Tenho certeza que serei reconduzida para o terceiro mandato para continuar lutando por uma Bahia mais justa e mais desenvolvida, sem mentiras e sem enrolação, mas sim com respeito às pessoas”, finalizou a deputada que deverá divulgar seu novo partido em junho.

Presidente do PSD Bahia, o senador Otto Alencar agradeceu em nota a “participação da deputada Mirela Macedo na construção do nosso partido, na sua militância e na ajuda que nos deu ao longo do período que atuou com muita dignidade e respeito”.

“Temos uma profunda admiração por ela. Lamento muito a sua saída, mas desejo que ela possa seguir o seu caminho com novas vitórias pela frente. Mirela valorizou muito o PSD Mulher, assim como todas as mulheres que representam o partido. Espero que tenha um futuro sintonizado com aquilo que deseja fazer para os municípios por ela representados na Bahia. Boa sorte, Mirela. O PSD sempre terá gratidão e reconhecimento pelo seu trabalho”, finaliza o senador Otto Alencar.

Informe Baiano

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

Tamanho G – Justiça Eleitoral condena partido do governador da Bahia a pagar multa de R$ 10 mil por propaganda antecipada e fake News

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) condenou o PT a pagar multa de R$ 10 mil por propaganda antecipada e divulgar

 

PSB de Alckmin evita PT nos estados e vai apoiar até aliados de Bolsonaro

Maior partido aliado de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na campanha presidencial e legenda do candidato a vice-presidente Geraldo

  

Sandro Regis oficializa candidatura e recebe comitiva de Gandu durante a convenção

Durante a convenção do União Brasil, que oficializou a chapa majoritária encabeçada por ACM Neto, o deputado estadual Sandro Regis,