Bahia – Enfrentando pior momento da pandemia, prefeito denuncia distribuição defasada de vacinas pelo governo Rui Costa

O prefeito de Ibiassucê, Adauto Prates (DEM), encaminhou um ofício ao governo do estado solicitando revisão da quantidade de vacinas contra a Covid-19 que são enviadas ao município. De acordo com o chefe do Executivo, Ibiassucê está sendo “prejudicada” na distribuição dos imunizantes.

Adauto afirma que há um déficit de 708 pessoas quando se observa a população alvo da vacina estimada pelo governo estadual. “Foi considerada a população estimada de Ibiassucê-BA com mais de 18 anos em um quantitativo 7.047 pessoas. Ao compararmos tais informações com as fornecidas pelo sistema E-SUS de atenção primária, temos para a mesma faixa etária (acima de 18 anos) o total de 7.755 pessoas”, disse o prefeito, em ofício encaminhado ao governador Rui Costa (PT). Na última distribuição vacinal, a cidade apenas recebeu 57 doses.

Enquanto o município de Ibiassucê só conseguiu imunizar 57 pessoas da faixa etária de 40-49 anos, não tendo sequer conseguido concluir a vacinação de pessoas de 48 anos, mais da metade dos municípios da Região de Saúde de Guanambi já estão vacinando a faixa etária entre 30-39 anos”, destacou Adauto.

Adauto ainda lamentou que tal ausência de doses de vacinas pode impossibilitar o retorno às aulas presenciais na cidade, já que menos de 1/3 dos professores foram imunizados. O prefeito ainda destacou que o município está enfrentando “seu pior momento desde o início da pandemia”.

“Somente nos últimos 60 dias o número de casos do município de Ibiassucê mais que dobrou, saltando de 464 casos registrados em 15 de maio, para 944 casos confirmados em 15 de julho, estando atualmente o município com mais de 1% da população ativa para Covid-19, sendo absolutamente necessária a rápida imunização da população”, afirmou.

Fonte: Política Livre.

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

Tamanho G – Justiça Eleitoral condena partido do governador da Bahia a pagar multa de R$ 10 mil por propaganda antecipada e fake News

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) condenou o PT a pagar multa de R$ 10 mil por propaganda antecipada e divulgar

 

PSB de Alckmin evita PT nos estados e vai apoiar até aliados de Bolsonaro

Maior partido aliado de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na campanha presidencial e legenda do candidato a vice-presidente Geraldo

  

Sandro Regis oficializa candidatura e recebe comitiva de Gandu durante a convenção

Durante a convenção do União Brasil, que oficializou a chapa majoritária encabeçada por ACM Neto, o deputado estadual Sandro Regis,