Bahia – Rui, Geddel e Wagner batem cabeça sobre participação de Jerônimo em debate com ACM Neto

A participação de Jerônimo Rodrigues no debate da TV Bahia, na próxima quinta-feira (27/10), às 22h, ainda não foi confirmada. O candidato ao Governo da Bahia, ACM Neto (União Brasil), já confirmou a sua participação.

O imbróglio sobre a ida ou não de Jerônimo ao evento tem dividido os coordenadores e articuladores da campanha de Jerônimo na Bahia. O governador Rui Costa (PT) e o ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB) são radicalmente contra. Recentemente, Rui disse que Jerônimo não tem “obrigação nenhuma” de ir ao debate. Geddel foi mais enfático: “Não vá ao debate, Jerônimo”.

Outras lideranças do grupo, a exemplo do senador Jaques Wagner diverge de Rui e Geddel. Para Wagner, “ele deveria ir pelo menos em um debate”. “A alma dele é doida para ir, mas óbvio que tem uma coordenação que diz que ‘se você for não pode ir aqui, ali e acolá’. Eu iria para o último”, finaliza Wagner.

Nas redes sociais, internautas mostram desconfiança com Jerônimo, que tem sido chamado de “despreparado” e “pior secretário da Educação”. “E aí, Jerônimo, vai encarar? Tem que discutir a Bahia, como Lula está fazendo no Brasil. Lula já confirmou que vai tá no debate. E você?”, questionou um internauta.

DEBATE NA TV BAHIA:

A TV Bahia informou aos representantes dos candidatos ACM Neto (União Brasil) e Jerônimo Rodrigues (PT) as regras do último debate para governador, que será realizado no próximo dia 27, às 22h.

Pela primeira vez, os candidatos terão mais tempo para debater as ideias e programas de governo, em confronto direto. O ex-prefeito confirmou sua participação no debate e Jerônimo ainda não definiu sua presença.

O debate será dividido em quatro blocos, sendo que o primeiro e o terceiro terão temas livres. Já o segundo e quarto blocos, que inclui as considerações finais, são de temas determinados. O modelo é semelhante ao que foi apresentado pela Band no debate entre o presidente Bolsonaro e o ex-presidente Lula, há alguns dias.

Em caso de ausência de um dos candidatos, a TV Bahia realizará uma entrevista de 30 minutos com o que comparecer ao estúdio. Neste caso, uma placa vai indicar quem não compareceu e o candidato presente ainda poderá contar ao público duas perguntas que faria ao seu oponente.

Pelo regulamento, os candidatos podem solicitar direito de resposta, caso se sintam ofendidos. A produção vai analisar a solicitação e poderá conceder um minuto para a resposta, que deve ser mantida dentro do tema abordado. O debate será mediado pela jornalista Graziela Azevedo, que também esteve à frente do encontro no primeiro turno.

Informe Baiano

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

 

Salvador – Mais de 30 pré-candidatos deixam Solidariedade e filiam-se aos partidos da base de Bruno Reis

Um grupo com mais de 30 pré-candidatos a vereador deixaram o Solidariedade, que faz parte da base do governo Jerônimo

 

Salvador –  Bruno Reis lidera intenções de votos em todos os cenários

O prefeito de Salvador, Bruno Reis (União), segue liderando as pesquisas de intenções de votos. Na mais recente, feita pela

 

Salvador – Duas outras boas notícias para Bruno Reis relativas à pesquisa AtlasIntel

Além da excelente notícia para Bruno Reis (União Brasil), faltando sete meses para o pleito, de que ele pode levar