Bahia – Seis deputados de oposição vão a Natal acompanhar CPI que investiga compra de respiradores pelo Consórcio Nordeste

Deputados da oposição seguem entre esta segunda-feira (22) e terça (23) para a capital do Rio Grande do Norte, Natal, onde acompanharão os desdobramentos sobre a investigação realizada pela Comissão Parlamentar de Inquérito da Assembleia Legislativa daquele estado sobre a compra malsucedida de 300 respiradores pelo Consórcio Nordeste.

A assessoria de comunicação do deputado Capitão Alden (PSL) informou, por meio de nota, que além do pesselista, foram a Natal os deputados Soldado Prisco (PSC), Sandro Regis (DEM e líder da oposição na Alba), Paulo Câmara (PSDB), Tiago Correia (PSDB) e Robinho. Alden, que estará ao lado de outros deputados baianos desta vez, tem a expectativa que os desdobramentos da CPI mostrem irregularidades, como o Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA) apontou em seu relatório das contas do Governo do Estado em 2020.

Os respiradores e insumos comprados pelo Consórcio, que serviriam para o tratamento de quadros graves de pessoas que se infectaram pela Covid-19, nunca chegaram e também não tiveram seus recursos devolvidos pela empresa contratada, a HempCare. À época da compra, o presidente do Consórcio Nordeste era o governador da Bahia, Rui Costa (PT).

A conselheira do Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE-BA), Carolina Matos Alves Mota, na leitura do relatório para a apreciação das contas do governo Rui Costa em 2020, apontou, durante a sessão realizada em 3 de agosto de 2021, as irregularidades na compra de respiradores durante a pandemia da Covid-19 como um dos itens para indicar aprovação da prestação com ressalvas. A relatora indicou o pagamento adiantado de R$ 89 milhões por respiradores que não foram entregues.

“Esperamos novos desdobramentos que respondam àquilo que nós já imaginamos que aconteceu. O deputado Kelps Lima está atento, trabalhando firme com este propósito de cobrar respostas daqueles que têm culpa neste escândalo. Nada vai ficar esquecido ou impune, vamos até o fim! Queremos, também, após a finalização da CPI no Rio Grande do Norte, instalar uma comissão parlamentar de inquérito também na Bahia. Para isso, outros deputados de oposição ao governo Rui Costa também estão vindo”, disse o parlamentar.

Em entrevista publicada no domingo (21), o deputado Sandro Régis disse que “já houve uma tentativa de criação de uma CPI [na Assembleia Legislativa da Bahia] para a questão dos respiradores, mas acabou não avançando porque não temos número suficiente de deputados na oposição”. O deputado Capitão Alden esteve no Rio Grande do Norte há 15 dias a convite do deputado Kelps Lima, que preside a CPI potiguar, para assistir o depoimento do ex-Chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Bruno Dauster, que ficou calado.

Davi Lemos/Política Livre

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

Bahia – Governador diz que fará reunião virtual com prefeitos para tratar sobre o Carnaval

Questionado mais uma vez sobre a realização ou não do Carnaval 2022, o governador Rui Costa (PT) disse, nesta sexta-feira

 

Sandro Régis rebate Rosemberg: “Retrocesso é a Bahia ser líder em homicídio e última em educação”

O deputado estadual Sandro Régis (Democratas), líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), rebateu nesta sexta-feira (3) as