Copa América – Brasil estreia com vitória sobre a Venezuela

O Brasil venceu a Venezuela por 3 a 0, neste domingo, no estádio Mané Garrincha, em Brasília, pela estreia da Copa América. A partida foi válida pela 1ª rodada do grupo B.

O zagueiro Marquinhos abriu o placar para a seleção, após cobrança de escanteio no 1º tempo. Na etapa complementar, Neymar ampliou de pênalti e depois deu assistência para Gabigol fechar a conta nos minutos finais.

Neymar, aliás, chegou ao 3º jogo seguido marcando para o Brasil, após anotar contra Equador e Paraguai, pelas eliminatórias de Copa do Mundo 2022.

Agora, o camisa 10 tem 67 gols em 106 jogos pela seleção e caminha a passos firmes para se tornar o maior artilheiro da história da equipe. O líder, claro, é Pelé, que anotou 77 em partidas oficiais.

Assim como havia prometido, Tite ainda aproveitou o jogo para fazer várias substituições.

Com isso, jogadores como Everton Ribeiro e Gabigol, ambos do Flamengo, e Vinicius Jr., do Real Madrid, ganharam minutos ao ingressarem no 2º tempo.

Vale lembrar que a Venezuela usou praticamente um “time C” neste domingo, já que a equipe teve 13 casos positivos de COVID-19 e teve que convocar 15 novos atletas às pressas para a Copa América.

Com a vitória, o Brasil já assume a ponta do grupo B da competição, com 3 pontos. Já a Venezuela fica na lanterna.

ESPN

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

 

Apesar de desgastes, aliados de Lula e Alckmin veem aliança pavimentada

Apesar de ter apresentado desgastes, a chapa conjunta entre o ex-presidente Lula (PT) e o ex-governador Geraldo Alckmin (sem partido)

 

Moro desafia Lula para debate ‘sobre mensalão e petrolão’

Estreante numa campanha eleitoral, o pré-candidato à Presidência pelo Podemos, Sérgio Moro, se tornou alvo de desafios para debates cara

 

União Brasil já tem 3 nomes de vice para a disputa pela presidência

Mesmo sem saber qual candidato vai apoiar nas eleições presidenciais de outubro, o União Brasil já tem três nomes de