Damares diz que governo vai anunciar distribuição de absorventes

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, disse em um post em sua página no Instagram na noite da segunda (11) que o governo federal vai apresentar nos próximos dias um programa para distribuição de absorventes para mulheres em situação de vulnerabilidade.

Na publicação, a ministra aparece em uma foto com o deputado Roberto de Lucena (Podemos-SP), presidente da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos Humanos e da Justiça Social, e diz ter garantido ao parlamentar a criação do programa.

“Garanti ao parlamentar que nos próximos dias vamos anunciar o programa do governo federal para distribuição de absorventes para mulheres em situação de vulnerabilidade, a ação é debatida há meses dentro do governo”, disse a ministra.

A promessa vem dias depois do presidente Jair Bolsonaro vetar trecho de um projeto de lei aprovado no Congresso que previa a distribuição gratuita de absorventes.

O texto vetado previa como beneficiárias do programa estudantes de baixa renda matriculadas em escolas da rede pública, mulheres em situação de rua ou em situação de vulnerabilidade social extrema, mulheres apreendidas e presidiárias e mulheres internadas em unidades para cumprimento de medida socioeducativa.

A própria ministra, após o veto, defendeu Bolsonaro e disse ser necessário escolher entre a vacina contra a Covid-19 ou os itens de higiene.

“O nosso governo já estava apresentando esse programa, não foi entregue por causa da pandemia. Hoje a gente tem que decidir: a prioridade é a vacina ou o absorvente”, afirmou.

Poder & Política

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

 

Caso queira confirmar candidatura ao governo da Bahia, ministro João Roma deve trocar o REPUBLICANOS pelo PL

A intenção do ministro da Cidadania, João Roma, de disputar o governo da Bahia está prestes a ir por água

  

Morre Cris Barros, presidente do PSOL em Salvador

Maria Cristina dos Santos Barros, conhecida como Cris Barros, presidenta do PSOL Municipal de Salvador-Bahia e secretária de Movimentos Sociais

  

Bahia – Aspra diz que alunos do curso de soldado são tratados como “escravos do tempo moderno”

Pelo menos 84 alunos do curso de formação de soldado da PMBA do município de Juazeiro estão, há quase cinco