Futebol – Messi desfalca o PSG contra o Leipzig na Liga dos Campeões

Substituído no intervalo contra o Lille, na sexta-feira, após sentir um desconforto muscular, o argentino Messi desfalcará o Paris Saint-Germain nesta quarta-feira em visita ao RB Leipzig pela Liga dos Campeões. O clube optou por poupar o astro para não piorar o quadro. Ele também se queixa de dores no joelho.

A ordem no PSG é não perder suas principais estrelas para as partidas mais importantes da temporada. Desta maneira, o clube vem fazendo um rodízio com quem apresenta mais desgaste ou acusa dores. Messi será o poupado da vez.

O atacante francês Mbappé estava com uma infecção de nariz e garganta na rodada do Campeonato Francês e acabou ganhando um descanso diante do Lille. Está recuperado e entre os relacionados para a partida na Alemanha. Já Messi fica na França para tratamento e cuidados especiais.

O argentino, curiosamente, foi o responsável pela dura vitória de virada sobre os alemães na França, há 15 dias, anotando dois gols nos 3 a 2 que colocaram a equipe na liderança do grupo com sete pontos. Em três rodadas na Liga dos Campeões, fez três gols.

“É sempre difícil (enfrentar o Leipzig). Eles já mostraram no Parque dos Príncipes o quanto são bons. Estavam dominando o jogo, e então marcamos dois gols. Vimos como era difícil”, observa o holandês Wijnaldum, ainda devendo futebol no PSG e na esperança de ser titular na casa do RB Leipzig.

“Acho que não somente nós, mas o Manchester City e o Brugge também viram como é difícil jogar contra o Leipzig. Vimos que eles podem fazer grandes coisas e farão de tudo para reproduzir o que criaram antes. Por isso vai ser um jogo muito difícil, até porque vai jogar em casa. Portanto, teremos de fazer um jogo muito bom para vencer.”

Caderno dos Esportes

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

Bahia – Governador diz que fará reunião virtual com prefeitos para tratar sobre o Carnaval

Questionado mais uma vez sobre a realização ou não do Carnaval 2022, o governador Rui Costa (PT) disse, nesta sexta-feira

 

Sandro Régis rebate Rosemberg: “Retrocesso é a Bahia ser líder em homicídio e última em educação”

O deputado estadual Sandro Régis (Democratas), líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), rebateu nesta sexta-feira (3) as