Lula deve passar 7 de Setembro em casa, para evitar exposição em data ‘bolsonarista’

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve passar o feriado do 7 de Setembro em casa, em São Paulo, gravando a propaganda de rádio e televisão.

A campanha optou por preservá-lo nesta data para não expô-lo e nem gerar qualquer atitude que possa ser interpretada como provocação ou reação às manifestações convocadas pelo presidente Jair Bolsonaro (PL).

No dia 8, ele segue para o Rio de Janeiro, onde participará do evento “Todos Juntos pelo Rio”, ao lado do ex-governador Geraldo Alckmin (PSB).

Bolsonaro está convocando militantes para os desfiles da Independência. Ele afirmou em entrevista à Jovem Pan nesta terça-feira (6) que convidou os oito empresários alvo de uma operação autorizada pelo ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes por, supostamente, terem trocado mensagens com teor golpista.

Pela manhã, o presidente participa do desfile em Brasília, depois segue para o Rio de Janeiro, onde está sendo preparado um ato mais político. Ele também deve fazer um discurso para os manifestantes na Avenida Paulista, em São Paulo, de forma remota.

Juliana Braga, Folhapress

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

TSE atualiza sistema Filia após falsa filiação de Lula ao PL de Bolsonaro

O Sistema de Filiação Partidária (Filia), do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), voltou ao ar na sexta-feira, 16, com nova camada

 

Manifestação no dia 25 será o primeiro ato convocado por Bolsonaro depois do 8 de Janeiro

O ato em apoio a Jair Bolsonaro (PL) no próximo dia 25 na Avenida Paulista, em São Paulo, será a

 

Salvador – Otto Alencar reafirma que PSD não indicará vice para compor chapa de Geraldo Jr.

O presidente do PSD na Bahia, senador Otto Alencar, reafirmou nesta terça-feira (30) que seu partido não indicará nenhum nome