Lula não deve ir à posse mesmo com fala de Milei

A possibilidade de o presidente Lula (PT) comparecer à posse de Javier Milei na Argentina é improvável, segundo ministros que despacham diariamente com ele.

Na campanha eleitoral, o presidente eleito do país vizinho afirmou que o petista é comunista e corrupto, e disse que não se reuniria com ele se vencesse as eleições.

Fez mais: logo depois de eleito, ele se comunicou com Jair Bolsonaro (PL), o maior adversário de Lula, e o convidou para a posse.

O ex-presidente já disse que vai. Levará os governadores de SP, Goiás e Santa Catarina e 30 parlamentares com ele. E afirma que Lula tem que “se mancar” pois será “vaiado” se for à posse.

Na quarta-feira (22), Milei amenizou o discurso. E afirmou ao canal argentino Todo Notícia que receberia o petista na cerimônia.

“Se Lula quiser vir à minha posse será bem-vindo. Ele é o presidente do Brasil”, afirmou.

A coluna questionou auxiliares diretos de Lula se, diante das novas falas de Milei, o petista poderia confirmar presença na posse. “Não creio”, respondeu um dos ministros palacianos.

O ministro da Secretaria de Comunicação (Secom), Paulo Pimenta, já afirmou que Lula só deveria conversar com o argentino ou pensar em viajar para a posse caso Milei pedisse desculpas pelas ofensas.

“Eu [se fosse o presidente Lula] não ligaria [para parabenizar Milei]. Só depois que ele me ligasse para me pedir desculpa, ofendeu de forma gratuita o presidente Lula, cabe a ele um gesto como presidente eleito, de ligar para se desculpar. Depois que acontecesse isso, eu pensaria na possibilidade de conversar”, afirmou Pimenta.

Poder & Política.

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

 

Salvador – Mais de 30 pré-candidatos deixam Solidariedade e filiam-se aos partidos da base de Bruno Reis

Um grupo com mais de 30 pré-candidatos a vereador deixaram o Solidariedade, que faz parte da base do governo Jerônimo

 

Salvador –  Bruno Reis lidera intenções de votos em todos os cenários

O prefeito de Salvador, Bruno Reis (União), segue liderando as pesquisas de intenções de votos. Na mais recente, feita pela

 

Salvador – Duas outras boas notícias para Bruno Reis relativas à pesquisa AtlasIntel

Além da excelente notícia para Bruno Reis (União Brasil), faltando sete meses para o pleito, de que ele pode levar