Missa de sétimo dia de Jô Soares será na quinta (11), no Colégio Sion, em SP

A missa de sétimo dia do apresentador Jô Soares, morto na última sexta-feira (5) aos 84 anos, será realizada na próxima quinta-feira (11), às 19h, na capela do Colégio Sion, em São Paulo, localizada em frente ao apartamento onde ele morou por 30 anos, no bairro de Higienópolis.

A cerimônia está sendo organizada pela APL (Academia Paulista de Letras).

Jô Soares morreu na madrugada de sexta-feira, no hospital Sírio Libanês, em São Paulo. A causa da morte não foi informada.

Restrito a familiares e amigos, o velório ocorreu no bairro paulistano da Bela Vista e teve a presença de figuras como Matinas Suzuki Júnior, biógrafo de Jô, além de Mika Lins, Zélia Duncan, Ivo Hollanda, Serginho Groisman, Tiago Leifert e Juca de Oliveira.

O corpo foi cremado em Mauá, a cerca de 30 quilômetros de São Paulo, sem cerimônia de sepultamento. A ex-mulher do apresentador Flávia Pedras Soares conduziu o processo sozinha.

Jô nasceu no Rio de Janeiro em 1938 e era filho único de uma família rica que perdeu a fortuna. Estudou na Suíça e nos Estados Unidos, falava seis línguas e abandonou o plano de ser diplomata para se dedicar à vida artística.

Interpretou dezenas de personagens, criou bordões e apresentou o mais conhecido programa de entrevistas da TV brasileira. Foi ator de teatro, cinema e televisão, além de dramaturgo, roteirista, diretor e escritor.

famosidades

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

Brasil – Sem clima para aprovação, governo retira projeto do DPVAT de votação

O líder do governo no Senado, Jaques Wagner (PT-BA), retirou da pauta da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do

  

Cabeça do Congresso – Senador baiano é eleito relator-geral do Orçamento

O senador baiano Angelo Coronel (PSD) foi eleito na tarde desta quarta-feira (24/04) relator-geral do Orçamento de 2025. A Comissão

  

Brasil – Projeto que libera estados legislarem sobre armas avança na Câmara

A CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara dos Deputados aprovou na tarde desta quarta-feira (24) um projeto de