Nota Pública da Prefeitura Municipal de Gandu

A Prefeitura de Gandu vem à público esclarecer a situação referente ao programa do governo do estado, “Bahia Minha Casa” de reforma e reconstrução de casas atingidas pelas enchentes do final do ano passado na Bahia.

1 – O município de Gandu já enviou para os órgãos estaduais responsáveis pelo programa toda a documentação exigida, projetos e levantamento das áreas atingidas pela enchente, dentro do prazo estipulado, onde consta o número de imóveis parcialmente ou totalmente destruídos pelas chuvas.

2 – Diante das análises dos técnicos do estado o município está apto a fazer parte do programa “Bahia Minha Casa” e está acompanhando todos os trâmites diariamente.

3 – Nesse primeiro momento, o governo do estado liberou parte da verba de reconstrução para os municípios da região que foram mais atingidos e consequentemente tiveram danos maiores.

Por último, a Prefeitura tranquiliza os moradores vítimas da enchente do ano passado, que tiveram perdas materiais e reafirma que o projeto foi entregue em tempo hábil e toda a tramitação está sendo acompanhada. Sendo assim, orientamos a população que acompanhe as redes sociais da prefeitura, site oficial do governo e os órgãos de imprensa escrito, digital e/ou falado que tenham credibilidade, evitando assim o acesso a Fake News (Notícias Falsas).

ASCOM/Prefeitura de Gandu.

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

TSE decide que coligações podem ter mais de uma candidatura ao Senado

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) decidiu nesta terça-feira (21), por unanimidade, que partidos que compõem uma coligação podem lançar mais

 

Em Santaluz, ACM Neto é recebido por multidão e prefeito do Avante reafirma apoio: ‘O seu compromisso é verdadeiro’

Pré-candidato a governador, ACM Neto (União Brasil) foi recebido por uma multidão em Santaluz, na região do Sisal, na noite

 

Vinda de Lula à Bahia depende ainda de negociação com Fernando Haddad em São Paulo

Defendida pelo senador Jaques Wagner (PT) e o comitê extra-oficial de campanha do petista, a vinda do ex-presidente Lula para