Para Lula, críticas de Wagner sobre reforma política, são injustas

Para Lula (PT), as críticas que o seu governo recebeu, até mesmo por aliados como Jaques Wagner (PT), por não ter feito uma reforma política são injustas. Em entrevista para a rede de rádios de Grupo Lomes de Comunicação da Bahia e Sergipe, nesta terça-feira, o ex-presidente disse que a missão cabe aos parlamentares e não ao Executivo.

“Não acontece porque a classe política não quer. Acho que o Senado poderia apresentar, mas não se apresenta porque não tem acordo. Não é papel do presidente e sim dos partidos políticos. A reforma tem que ser feita pelos partidos”, afirmou Lula.

No último final de semana, o senador pela Bahia disse à coluna do jornalista José Casado, da revista Veja, que o maior erro do governo Lula, foi não ter feito a reforma política no país e diminuído o número de partidos.

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

Bahia – deputados aprovam revisão do PPA e alteração em cargos da Polícia Civil

A Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) aprovou, em sessão extraordinária mista (presencial e virtual) desta terça-feira (30), a revisão do

 

PL filia Bolsonaro e José Carlos Araújo deve deixar presidência na Bahia

O presidente Jair Bolsonaro assinou sua filiação ao Partido Liberal (PL) nesta terça-feira (30/11), em evento ocorrido em Brasília. Na

 

Roma diz que PP, PL e Republicanos formarão tripé para reeleger Bolsonaro

O ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos), disse que “está cada vez mais claro” que PP, PL e Republicanos formarão