‘Perder me machuca, me dói’, desabafa Neymar após derrota na Copa América

Neymar falou pela primeira vez após a derrota da seleção brasileira contra a Argentina na final da Copa América. Em seu perfil no Instagram, o camisa 10 publicou o vídeo em que vai de encontro a Lionel Messi para o parabenizar pela conquista.

Na legenda, o atacante brasileiro voltou a falar sobre a dificuldade de lidar com as derrotas: “Perder me machuca, me dói. É coisa que eu ainda não aprendi a conviver.”

Após o breve desabafo, Neymar contou detalhes de como foi o momento do abraço com seu ex-companheiro de Barcelona. “Ontem quando perdi, fui dar um abraço no maior e melhor da história que eu vi jogar. Meu amigo e irmão Messi, fiquei triste e falei para ele ‘filho da * você me ganhou'”, disse ele, que completou:

“Fico triste demais por perder. Mas esse cara é f*! Tenho um respeito muito grande pelo que ele fez pelo futebol e principalmente por mim. Odeio perder, mas desfrute do seu título, o futebol te esperava por esse momento! Parabéns hermano.”

Após vencer por 1 a 0 com gol de Di Maria, a Argentina voltou a comemorar um título após 28 anos. A conquista no Maracanã marcou não só a quebra do tabu, mas também o primeiro título de Messi com a seleção profissional.

Fonte: Folhapress

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

Tamanho G – Justiça Eleitoral condena partido do governador da Bahia a pagar multa de R$ 10 mil por propaganda antecipada e fake News

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) condenou o PT a pagar multa de R$ 10 mil por propaganda antecipada e divulgar

 

PSB de Alckmin evita PT nos estados e vai apoiar até aliados de Bolsonaro

Maior partido aliado de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na campanha presidencial e legenda do candidato a vice-presidente Geraldo

  

Sandro Regis oficializa candidatura e recebe comitiva de Gandu durante a convenção

Durante a convenção do União Brasil, que oficializou a chapa majoritária encabeçada por ACM Neto, o deputado estadual Sandro Regis,