Estudante de Ibirataia representará a Bahia no concurso Jovem Senador 2022, em Brasília

Dentre os nomes dos 27 estudantes vencedores do concurso Jovem Senador de 2022 está o de Ravan dos Santos Andrade, 3º ano do Ensino Médio, 16 anos, do Colégio Estadual de Ibirataia, localizado no município de Ibirataia, no Sul baiano. Ele, representando a Bahia, e os demais alunos selecionados – um de cada estado brasileiro – vão vivenciar o processo legislativo no Senado, e as propostas feitas por eles poderão ser transformadas em projetos de lei. O tema da redação deste ano foi “200 anos de Independência: lições da história para a construção do amanhã”.

Os autores dos textos vencedores, todos do Ensino Médio de escolas públicas de todo o país, estarão em Brasília no período de 27 de junho a 1º de julho, quando passarão pelo processo de discussão e elaboração das sugestões de leis, na chamada “Semana de Vivência Legislativa” do programa. Além da viagem, com passagem aérea, hospedagem, alimentação e locomoção incluídas, cada jovem senador ganhará um notebook como prêmio. Os professores-orientadores das redações escolhidas acompanham os estudantes na capital brasileira e são premiados com notebooks.

Ravan está cheio de expectativas para vivenciar a mais nova experiência da sua trajetória escolar. “Um programa como este é, sobretudo, um incentivo aos alunos das escolas públicas do Ensino Médio a participarem do processo político, o que leva ao caminho da maior participação popular – que é algo importantíssimo para a construção de um futuro próspero para um país – e trazendo para as escolas algo que muitos creem ser distante. Com isso, tenho a expectativa de ajudar a aprovar e articular no Plenário algum projeto que realmente tenha relevância para a juventude e para o nosso país, dando real sentido ao desenvolvimento correto e ético sobre as políticas públicas do nosso Brasil, na perspectiva do direito cumprido”, relata o estudante.

A professora de Língua Portuguesa e Literatura Brasileira do Colégio Estadual de Ibirataia, Elaine Barreto Rodrigues, falou sobre o significado do projeto Jovem Senador. “É uma iniciativa muito importante, porque leva o aluno da escola pública a sonhar com um mundo em que o jovem tem o direito de participar de discussões e elaborações das leis do país, exercendo a cidadania, mesmo que em um curto período. O jovem inscrito passa por um processo de pesquisa, estudos, elaboração e reelaboração de textos. Fato que o leva a ser mais independente, autônomo, reflexivo, ou seja, com o pensamento crítico e criativo. Ravan tem um perfil de jovem leitor voltado para a temática social, política e econômica. Este perfil o auxiliou na produção da redação, que foi orientada por mim”.

Sobre o Jovem Senado 2022 – Depois de dois anos suspenso por conta da pandemia do novo coronavírus, o concurso Jovem Senado volta em 2022 com a mesma proposta de incentivar os jovens selecionados a simularem a atuação dos senadores da República, em uma legislatura com quatro dias de duração. A tarefa começa com a posse e eleição da Mesa (presidente, vice e secretários) e termina com a aprovação dos projetos e sua publicação no Diário do Senado Federal. As sugestões acatadas são encaminhadas à Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) da Casa.

Este ano, dos 27 estudantes escolhidos, 19 são do sexo feminino e a faixa etária varia entre 14 e 18 anos, sendo que as idades de 16 e 17 anos correspondem a 20 alunos. O 3º ano do Ensino Médio é a série com mais estudantes contemplados, com 16 do total de vencedores. A grande maioria dos escolhidos vem de cidades do interior: são 22 contra cinco residentes em capitais. O resultado do concurso foi anunciado na última sexta-feira (6), em um podcast transmitido pela Rádio Senado.

Fonte: Ascom/Secretaria da Educação do Estado (SEC)

Gostou desse artigo?

Share on facebook
Facebook
Share on email
Email
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

  

Tamanho G – Justiça Eleitoral condena partido do governador da Bahia a pagar multa de R$ 10 mil por propaganda antecipada e fake News

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) condenou o PT a pagar multa de R$ 10 mil por propaganda antecipada e divulgar

 

PSB de Alckmin evita PT nos estados e vai apoiar até aliados de Bolsonaro

Maior partido aliado de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na campanha presidencial e legenda do candidato a vice-presidente Geraldo

  

Sandro Regis oficializa candidatura e recebe comitiva de Gandu durante a convenção

Durante a convenção do União Brasil, que oficializou a chapa majoritária encabeçada por ACM Neto, o deputado estadual Sandro Regis,